quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

"A Cavalo no Tempo"

É o título do livro que comprei, hoje, numa autêntica corrida contra-relógio para que, numa hora e meia de almoço, pudesse ter tempo de dar umas quantas voltas imprescindíveis e inadiáveis.
Já nem me lembro há quanto Tempo sigo as "pegadas" literárias desta senhora: Luísa Ducla Soares.  A única certeza, é que eu sou uma fã incondicional da sua escrita e serão pouquíssimas, as obras desta escritora de literatura infantil que eu não aprecie. Hoje, juntei mais esta à minha colecção.


"A Cavalo no Tempo" é um livro de poemas, todos eles, dedicados ao meu "amigo" TEMPO. As ilustrações são da autoria de Teresa Lima e são lindas!
Perdoem-me as artistas mas não resisto em fazer aqui, uma pequena publicidade ao livro. Se estiver a violar os direitos de autor, é por uma boa causa, acreditem.
Deixo-vos uma amostra escrita e gráfica da referida obra.
Já agora, pensem aonde querem que a Máquina do Tempo vos leve...
Eu já pensei.

 Na Máquina do Tempo
                               
Ah, se eu pudesse andar
na máquina do tempo!
Quebrava esse horror
que é o despertador.
Só saía ao meio-dia
para a escola que abria
às oito da manhã,
sem ralhos da mamã...

Ah, se eu pudesse andar
na máquina do tempo!
Correndo em marcha atrás
caçava lá atrás
um dinossauro anão
que seria o meu cão.
Pois grande, francamente,
metia medo à gente...

Ah, se eu pudesse andar
na máquina do tempo!
Punha-me a acelerar
para só aterrar
em distantes planetas,
que estão por descobrir.
Aonde eu havia de ir...

Quando eu puder andar
na máquina do tempo,
hei-de te convidar
para também passear,
E se tiveres coragem,
será longa a viagem...
Aonde queres vir comigo?
Vai já pensando, amigo...

            Luísa Ducla Soares, A Cavalo no Tempo - Civilização Editora 2003

Sem comentários:

Enviar um comentário